A Mota-Engil registou um resultado líquido de 7,3 milhões de euros no primeiro trimestre, um aumento homólogo de 32,6% face ao lucro de 5,5 milhões de euros no mesmo período de 2013, anunciou, nesta quinta-feira, a construtora.

O grupo destacou o reforço do contributo da atividade internacional, fora da Europa, em termos do volume de negócios, com o peso a ultrapassar os 68%, de acordo com o comunicado disponibilizado à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM).

O volume de negócios nos mercados em que a Mota-Engil está presente em África cresceu 33%, enquanto que na América Latina houve um avanço de 18%, decisivos para as receitas globais de 488 milhões de euros apuradas entre janeiro e março, que comparam com os 471 milhões de euros do trimestre homólogo do ano passado.