Rádio Observador

País

Naufrágio de embarcação junto à Praia das Maçãs, cinco desaparecidos

Uma embarcação com seis pessoas a bordo naufragou junto à Praia das Maçãs, em Sintra, tendo um dos pescadores conseguido salvar-se dando o alerta. Os destroços do barco já foram encontrados.

Uma embarcação com seis pessoas a bordo naufragou cerca das 03h00 de quarta-feira, junto à Praia das Maçãs, em Sintra, tendo um dos pescadores conseguido salvar-se dando o alerta, disse à Lusa uma fonte da Marinha Portuguesa.

“O centro coordenador de busca e salvamento recebeu a indicação de que uma embarcação de 11 metros chamada ‘Santa Maria dos Anjos” e com seis pessoas a bordo se tinha virado”, disse à agência Lusa o comandante Paulo Vicente. De acordo com o porta-voz da Marinha portuguesa, um dos seis homens a bordo conseguiu nadar até à Praia das Maçãs, tendo dado depois o alerta. “O relato vem de um sobrevivente, uma pessoa que estava a dormir, sentiu a embarcação virar e nadou durante algum tempo para terra e foi essa pessoa que deu o alerta. Neste momento já enviámos meios para o local”, adiantou.

O comandante Paulo Vicente adiantou que no local encontram-se a Corveta Batista de Andrade da Marinha, um EH-101 da Força Aérea Portuguesa e duas embarcações das estações salva-vidas de Cascais e Ericeira em colaboração com a embarcação de pesca “Fruto da União”. “Só temos a informação que o sobrevivente nos deu. Já enviámos para o local um helicóptero, a corveta Batista de Andrade e duas embarcações salva-vidas, uma da Ericeira e outra de Cascais”, disse.

O porta-voz da Marinha disse ainda que o sobrevivente foi encaminhado para o hospital Amadora-Sintra, “onde se encontra em situação estável”.

Os destroços da embarcação foram encontrados cerca das 07h00, encontrando-se no local várias embarcações de busca e salvamento, disse uma fonte da Marinha. De acordo com a Marinha, os meios continuam a efetuar buscas junto de destroços entretanto encontrados e que, ao que tudo indica, pertencem à embarcação de pesca afundada.

Cinco dos pescadores que seguiam na embarcação são de Vila do Conde e de Póvoa de Varzim, informou o presidente da associação Pró-Maior Segurança dos Homens do Mar. Segundo José Festas, na embarcação seguia ainda um outro pescador, de origem ucraniana.

 

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: observador@observador.pt

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)