Rádio Observador

País

Vacina Prevenar gratuita para crianças nascidas a partir de 1 de janeiro

4.964

A vacina Prevenar, que previne doenças como a meningite e a pneumonia, vai ser gratuita para as crianças nascidas a partir de 1 de janeiro. A medida custará ao Estado 2,5 milhões de euros.

Além das crianças, a Prevenar será igualmente gratuita para “os adultos com doenças crónicas e considerados de alto risco"

Tiago Petinga/LUSA

Autores
  • Agência Lusa
  • Marlene Carriço
Mais sobre

A vacina Prevenar 13, que previne doenças como a meningite e a pneumonia, vai ser gratuita para todas as crianças nascidas a partir de 1 de janeiro deste ano, esclareceu a Direção-Geral da Saúde (DGS), depois de o Governo ter anunciado esta manhã que a vacina seria gratuita apenas para as crianças nascidas a partir de 1 de junho.

O dia 1 de junho é afinal o dia em que a vacina será integrada no Programa Nacional de Vacinação (PNV) e começará a ser dada nos centros de saúde. Será a 13ª vacina deste programa. A inclusão foi possível após “negociações com a indústria farmacêutica”, conforme revelou à Lusa fonte do Ministério da Saúde, adiantando que a medida custará ao Estado 2,5 milhões de euros, só em 2015.

Esta vacina previne doenças provocadas pela bactéria pneumococo, como a pneumonia, meningite, otite e septicemia, entre outras. E as crianças só podem começar a recebê-la aos dois meses de idade.

Além das crianças, a Prevenar 13 será igualmente gratuita para “os adultos com doenças crónicas e considerados de alto risco, nomeadamente os portadores do vírus VIH e de certas doenças pulmonares obstrutivas, além do cancro do pulmão”.

Para a restante população, nomeadamente os adultos e as crianças nascidas antes de 01 de junho deste ano, o Estado vai comparticipar 15% do custo da vacina.

O acordo entre a Direção Geral da Saúde (DGS), o Infarmed e a Administração Central do Sistema de Saúde (ACSS) e a indústria farmacêutica será firmado quinta-feira.

A deputada do CDS-PP Teresa Caeiro já se congratulou pela inclusão da Prevenar no PNV, considerando que se trata de uma questão de justiça social e de saúde pública. “Este é um dia pelo qual o CDS esperava há nove anos, o CDS e muitas famílias portuguesas. Há dez anos que o CDS se tem empenhado para que a Prevenar, o nome comercial desta vacina pneumocócica, seja incluído no plano nacional de vacinação, ou seja, seja atribuída gratuitamente aos grupos de risco e às crianças mais pequenas”, afirmou Teresa Caeiro.

[Notícia atualizada às 15h20. A DGS esclareceu que a vacina será gratuita para todas as crianças nascidas este ano e não apenas para as nascidas a partir de 1 de junho]

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: observador@observador.pt

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)