Um barco de pesca naufragou ao largo do Cabo Espichel com quatro homens a bordo com idades compreendidas entre os 27 e os 49 anos. O alerta foi recebido pouco depois das 8h desta manhã pela Capitania de Setúbal, quando uma outra embarcação resgatou uma balsa salva-vida com os quatro pescadores.

O capitão do Porto de Setúbal dirigiu-se até ao local, a cinco milhas do sudoeste do cabo, para resgatar os homens. “Cerca das 06:15, o mestre do ‘Arcanzil’ terá detetado uma entrada de água descontrolada através da popa da embarcação, a cerca de cinco milhas a sudoeste do Cabo Espichel, e os quatro tripulantes passaram de imediato para uma jangada pneumática, tendo sido posteriormente recolhidos pela embarcação ‘Carlos e Rui’”, disse Luís Jiménez

Os homens apresentavam sinais de hipotermina, mas foram assistidos numa ambulância que os esperava no porto de Sesimbra. Os homens estão em situação estável e em corrente observação no Hospital de São Bernardo de Setúbal.

O presidente da Associação Pró Maior Segurança dos Homens do Mar, José Festas, armador da embarcação, deslocou-se da Póvoa de Varzim, de onde os pescadoras eram naturais, até Sesimbra para prestar apoio aos náufragos.