Ao fim de quatro anos em Portugal, o francês Julien Letartre já aprendeu algumas coisas sobre os portugueses. Aprendeu por exemplo que não gostam de comer em loiças de plástico e que adoram petiscar, para poderem provar várias coisas numa mesma refeição. Dono da Eric Kayser, a cadeia de padarias francesa que mostrou aos lisboetas, em 2011, o que era uma verdadeira baguete, o empresário resolveu usar essa informação de uma forma saudável: inaugurando um salad bar na loja do Amoreiras Plaza onde não falta variedade e é tudo servido em tigelas de loiça.

Salad bar, neste caso, não significa um bar de saladas onde só há molho cocktail. Em linguagem de restauração, é o mesmo que dizer buffet. “É um conceito em si e consiste em ter sempre à escolha oito variedades de saladas que mudam consoante as estações”, diz Julien, que começou por ver a novidade na Eric Kayser da Place Vandôme, em Paris — “uma montra lindíssima” –, e não quis esperar para a trazer para Portugal, em julho.

_s152491 png

Enquanto ainda estiver calor, esta salada é uma das melhores opções. Leva melancia, queijo feta e tomate cereja (e a mistura funciona).

Alinhadas na vitrine da loja do Amoreiras Plaza, ao lado do gaspacho, das tartines e quiches, há saladas mais do que preparadas para garantir uma refeição principal sem os olhos fugirem para os croissants e os macarons do lado. Entre as oito variedades contam-se saladas como a de frango e abacate com espinafres baby e raspas de limão; a de brócolos e presunto com arando e sementes de cereais; a de funcho, salmão fumado e romã ou, dentro das opções mais consistentes, a pasta de rabanete branco, grão de bico, ervilha cozida e brócolos.

Uma taça grande com quatro combinações custa 5,70€, a salada pequena (até duas variedades) fica por 4€. Todas servidas pelo pessoal de serviço, já preparadas e temperadas, muito longe do sistema habitual de cadeias “faça você mesmo”.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

“O conceito de salada em França é um prato cozinhado, não é uma junção de ingredientes”, explica Julien, “até porque cada um deles é cozinhado ou temperado para ser degustado desta forma”.

Afinal, petiscos e pratos de louça à parte — ou “à parrrte”, como diz Julien –, “a Eric Kayser deve ser como o patrão: muito bem integrada mas com sotaque”.

Nome: Eric Kayser
Morada: Amoreiras Plaza, Rua Silva Carvalho, 321, loja C, Lisboa (em breve o salad bar estará presente nas outras lojas de rua da marca)
Horário: Todos os dias das 07h30 às 20h30