“Um brinde ao comunismo, à volta da excelente União Soviética, ao fim das investigações contra o PT e os aliados desse partido maravilhoso que se deveria manter no poder por muito tempo, independente de qualquer coisa que aconteça dentro dele, alguma corrupção de tucanos que estão ali infiltrados”. Chama-se Reunião de Emergência 3 e é o novo vídeo da Porta dos Fundos que responde uma vez mais à polémica que envolveu o grupo de comédia no YouTube. Depois de terem batido recordes de “não gosto” no site e de perderam milhões de seguidores com uma sátira que sugeria uma perseguição ao partido de Dilma e de Lula, a Porta dos Fundos regressou com mais ironia do que nunca.

O grupo simula que é uma força protetora do Partido Trabalhista (PT) que vive nas sombras. Com bandeiras, camisolas e latas de atum com rótulos que dizem “caviar”, os atores da Porta dos Fundos brindam ao partido, até que recebem uma má notícia: tinham sido desmascarados e estavam a perder seguidores de forma impressionante. “Esses comentaristas de política do YouTube são muito inteligentes: fomos desmascarados (…), descobriram o nosso esquema com o PT”. Como? “Está tudo muito bem explicado em memes do Facebook”, responde um deles. Perante o pânico instalado, eles perguntam-se: como é que vão conseguir mais dinheiro do partido?

O vídeo, publicado esta segunda-feira, tem duas milhões de visualizações e apenas 48 mil polegares desgostosos, contra 239 mil seguidores satisfeitos (desta vez, sim) com a nova brincadeira do grupo brasileiro. “A internet é uma ferramenta maravilhosa. Nesses últimos anos, descobrimos, através de sites clandestinos de notícias, memes de Facebook e vlogs de anónimos exaltados e especialistas em tudo, que o Keanu Reeves é uma espécie de vampiro imortal, que os Iluminatti assassinaram todas as outras celebridades do mundo e que o Wesley Safadão morreu num acidente de transito e foi substituído pelo vocalista do Safadões do Forró. Agora, mais uma verdade veio à tona”, pode ler-se na descrição do vídeo. Ainda pedem que se entre em contacto com os humoristas através de um e-mail sugestivo – vendidos@portadosfundos.com.br – e anunciam que fazem “pacotes especiais para as eleições de outubro”.

Veja o vídeo aqui.