As crias, que segundo imagens publicadas pelo portal Khao Sod morreram recentemente, foram descobertas por equipas do Departamento de Conservação dos Parques Naturais esta madrugada, juntamente com cadáveres de outras espécies protegidas.

Na segunda-feira, as autoridades iniciaram o resgate de 147 tigres alojados no recinto do templo Pha Luang Ta Bua Yanasampann, também conhecido como o Templo do Tigre, situado na província de Kanchanaburi, no oeste da Tailândia.

Até hoje, as autoridades resgataram 40 felinos (sete na segunda-feira e 33 na terça-feira), segundo o jornal.

O templo, aberto em 2001 com sete tigres, era uma atração para os turistas, que se passeavam e tiravam fotos com os animais, o que também era criticado por organizações defensoras dos animais.

Os tigres resgatados, alguns deles autóctones da Tailândia, serão levados para diferentes centros especializados no país.