A economia mundial poderá entrar em recessão se o candidato republicano Donald Trump vencer as eleições presidenciais nos Estados Unidos, afirmaram peritos do Citigroup, num parecer divulgado na quinta-feira.

No parecer, os peritos liderados pelo economista chefe do Citigroup, Willem Buiter, consideram que as eleições presidenciais nos Estados Unidos são uma importante fonte de incerteza para a economia mundial.

“A nossa hipótese de base é uma vitória de Hillary Clinton (candidata democrata) e principalmente a continuidade das políticas” económicas, referem os peritos, defendendo que com a eleição da antiga secretária de Estado haverá uma expansão fiscal.

A vitória de Donald Trump reserva dias mais sombrios para a economia, defendem os especialistas.

Dada a amplificação da incerteza e condições de financiamento mais restritivas, uma “vitória de Donald Trump poderá reduzir o crescimento do Produto Interno Bruto (PIB) mundial de 0,7 para 0,8 pontos percentuais”, referem os economistas do grupo bancário, sublinhando que o crescimento será apenas de 2% ou menos no mundo.

As eleições presidenciais dos Estados Unidos realizam-se a 08 de novembro.