Milhares de pessoas (200 mil, segundo os organizadores, 24 mil, segundo as autoridades) manifestaram-se este domingo em Paris pela revogação da lei que autoriza o casamento entre pessoas do mesmo sexo, esperando com tal reivindicação influenciar a próxima campanha eleitoral.

A manifestação, convocada pelo grupo “Manif pour Tous” (“Manif para Todos”), realizou-se numa altura em que o centro e a direita franceses estão imersos nas primárias para eleger o seu candidato às presidenciais do próximo ano e em que nenhum dos possíveis candidatos pôs em cima da mesa a abolição dessa lei.

Só um dos candidatos às primárias conservadoras, o democrata-cristão Jean-Frédéric Poisson, o que menos intenções de voto congrega, de acordo com as sondagens, defende a derrogação da lei do casamento gay.