A AT&T chegou a acordo para comprar a Time Warner, por 80 mil milhões de dólares, e, de acordo com uma fonte bancária próxima do processo que falou à agência noticiosa AFP, este acordo de fusão entre as duas empresas deverá mudar totalmente o cenário dos media norte-americanos.

O montante final vai depender do preço a determinar por ambas as partes, entre 105 a 110 dólares por cada título da Time Warner, indicou a mesma fonte.

O “casamento” deverá ser anunciado oficialmente o mais tardar antes da abertura dos mercados financeiros americanos na segunda-feira, mas não está excluída a hipótese de acontecer esta noite.

Esta fusão deverá ser examinada pelas autoridades da concorrência porque a nova entidade valerá mais de 300 mil milhões de euros em bolsa, com as atividades a percorrer as telecomunicações, media, cabo e internet.

A AT&T, fornecedora de acesso a canais pagos e um dos grandes operadores de telecomunicações americanos, estava avaliada em 230,6 mil milhões de dólares na sexta-feira à noite pela bolsa de Nova Iorque, enquanto a Time Warner valia 69,9 mil milhões de dólares.

Esta é a maior fusão entre um fornecedor de acesso a canais pagos e um fornecedor de conteúdos desde a compra, em 2011, da NBC Universal pela Comcast.