Não havia vivalma no planeta Terra que não estivesse de olhos na Superlua desta última segunda-feira (mesmo que muitos só o tenham podido fazer através dos ecrãs do telemóvel ou do computador). Quem teve oportunidade de sair à rua às 17h49 em Portugal para ver o nascer do nosso satélite ficou deslumbrado com um brilho anormal e um tamanho notável. O problema foi… fotografá-lo.

É que não bastava olhar e memorizar, não vivêssemos nós nos loucos anos tecnológicos do século XXI. Meio mundo decidiu pegar em câmaras fotográficas e apontá-las para a esplendorosa Lua XXL da noite de segunda-feira sobre as cidades, as pontes e as árvores. E aqui é que começaram os problemas – e as consequentes paródias que se espalharam pela Internet fora. É que enquanto alguns observadores conseguiram fotografias magníficas de uma lua alaranjada e grande, outros pareciam estar a fotografar um candeeiro de rua. Ou panquecas. Ou nuvens traiçoeiras. Ou qualquer outra coisa que nunca uma superlua como aquela que esperávamos ver.

Em dias de festa celestial como a de segunda-feira, ninguém fica de fora. E tanto as fotos muito boas como as fotos muito más foram merecedoras de muitos “gostos” – apenas por motivos diferentes. Nasceu então a hashtag #supermoonfail e mais um fenómeno viral nas redes sociais, principalmente no Twitter e no Instagram. Estas foram algumas das piores fotos da noite (tão más que também merecem a nossa atenção).

https://www.instagram.com/p/BM0WmApBY3P/

https://twitter.com/NickEvershed/status/798087718144065538

https://twitter.com/718TUDABONE/status/798163936071647237

https://www.instagram.com/p/BM1DHSWBni9/