456kWh poupados com o Logótipo da MEO Energia Logótipo da MEO Energia
i

A opção Dark Mode permite-lhe poupar até 30% de bateria.

Reduza a sua pegada ecológica.
Saiba mais

Logótipo da MEO Energia

Adere à Fibra do MEO com a máxima velocidade desde 29.99/mês aqui.

Passaram 20 anos. Como está o wallpaper mais famoso do mundo?

Este artigo tem mais de 5 anos

Esta imagem estava em todos os computadores que tinham o famoso Windows XP. Passaram-se 20 anos desde a data em que ela foi tirada. Como estará agora este campo verde?

A imagem foi tirada em janeiro de 1996 pelo fotógrafo Charles O'Rear
i

A imagem foi tirada em janeiro de 1996 pelo fotógrafo Charles O'Rear

A imagem foi tirada em janeiro de 1996 pelo fotógrafo Charles O'Rear

Tem acesso livre a todos os artigos do Observador por ser nosso assinante.

A foto, chamada Bliss, foi tirada em janeiro de 1996, a norte de São Francisco, na Califórnia. É da autoria do fotógrafo norte-americano Charles O’Rear, que captou a imagem da paisagem numa altura em que o inverno já tinha dado lugar a um lugar cheio de cor.

Numa sexta-feira habitual, Charles ia de carro para casa da namorada e levava consiga a sua Mamiya RZ67, uma câmara analógica, sabendo de antemão que a qualquer momento podia fazer o disparo perfeito.

A fotografia foi disponibilizada pelo próprio O’Rear numa banco de imagens, o Corbis.

Mais tarde, a Microsoft contactou-o com a intenção de fazer da imagem o wallpaper pré-definido do Windows XP, lançado em 2001. A multinacional procurava uma imagem que transmitisse paz e tranquilidade aos utilizadores.

Desta forma, a Bliss apareceu em todos os computadores que instalassem o sistema operativo em causa, que acabou por se tornar num dos mais populares e icónico de todos os tempos.

A foto foi captada a janeiro de 2017 pelo Google Street Views. © Google Maps

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

Agora, 20 anos depois, as diferenças do local são notáveis. Desde a atenuação da cor verde, à cor pálida do céu, até às inúmeras vinhas por toda a colina.

Numa breve entrevista, O’Rear, que também colaborou com a National Geographic, conta mais detalhes sobre esta história.

A página está a demorar muito tempo.

Ofereça este artigo a um amigo

Enquanto assinante, tem para partilhar este mês.

A enviar artigo...

Artigo oferecido com sucesso

Ainda tem para partilhar este mês.

O seu amigo vai receber, nos próximos minutos, um e-mail com uma ligação para ler este artigo gratuitamente.

Ofereça artigos por mês ao ser assinante do Observador

Partilhe os seus artigos preferidos com os seus amigos.
Quem recebe só precisa de iniciar a sessão na conta Observador e poderá ler o artigo, mesmo que não seja assinante.

Este artigo foi-lhe oferecido pelo nosso assinante . Assine o Observador hoje, e tenha acesso ilimitado a todo o nosso conteúdo. Veja aqui as suas opções.

Atingiu o limite de artigos que pode oferecer

Já ofereceu artigos este mês.
A partir de 1 de poderá oferecer mais artigos aos seus amigos.

Aconteceu um erro

Por favor tente mais tarde.

Atenção

Este artigo só pode ser lido por um utilizador registado com o mesmo endereço de email que recebeu esta oferta.
Para conseguir ler o artigo inicie sessão com o endereço de email correto.