Que vem aí um novo Leaf, já não é novidade para ninguém. Que o novo modelo 100% eléctrico vai possuir uma estética, especialmente ao nível da frente, mais consensual e atraente, similar à que já podemos encontrar no Micra e nos novos Qashqai e X-Trail, também já era conhecido. E bem-vindo. Mas o que ninguém sabia era que o automóvel eléctrico mais vendido no mundo, que vai revelar a sua próxima geração a 6 de Setembro em Tóquio, estava equipado com um pedal do acelerador que faz tudo.

A Nissan afirma que o e-Pedal, assim se chama o novo pedal que acelera e trava, possui “uma tecnologia revolucionária que transformará a nossa forma de conduzir”, afirmação que pode parecer interessante para alguns condutores, mas que certamente assustará de morte muitos dos outros, precisamente os mais idosos e com menos queda para modernices.

[jwplatform LAcspjZr]

A ideia, segundo a marca japonesa, é o condutor poder controlar com o curso do pedal, se pretende acelerar, desacelerar, travar ou mesmo mantê-lo parado, em declives, por exemplo. O construtor nipónico afirma que “os condutores poderão concretizar 90% das suas necessidades de condução exclusivamente com o recurso ao e-pedal”, ficando os restantes 10% para o pedal do travão, que felizmente ainda por lá continua. Entretanto, ao funcionar como um reóstato, o e-pedal vai optimizar a capacidade de regenerar energia nas desacelerações e travagens que, no fundo, é o objectivo da nova tecnologia.