Financiamento

Daimler financia metade dos veículos que vende

Com uma subida de 8% nas vendas na primeira metade de 2017, a Daimler conseguiu ainda melhor prestação no financiamento. Confirmam-no o crescimento de 19% nos negócios e os mil milhões nos lucros.

Os serviços de mobilidade também estão em maré de crescimento, com a Daimler a contabilizar actualmente 14,5 milhões de clientes em todo o mundo, ou seja, um aumento de 116% face a 2016

Daimler AG

Autor
  • Francisco António

Actualmente na 8.ª posição da lista dos maiores fabricantes automóveis mundiais, com um total de 822.500 unidades transaccionadas só na primeira metade de 2017, a verdade é que as coisas parecem correr ainda melhor à Daimler, proprietária das marcas Mercedes-Benz e Smart, no domínio do dinheiro “puro e duro” – mais concretamente, no financiamento à compra de automóveis novos. Sector em que o grupo alemão registou, de Janeiro a Junho, um novo recorde, ao terminar os primeiros seis meses do ano com um crescimento de 19% no número de negócios realizados.

Entidade responsável pela actividade financeira e serviços de mobilidade do grupo, como o Mercedes-Benz Financial Services, a car2go, mytaxi e moovel, a Daimler Financial Services terminou assim a primeira metade de 2017 com resultados de 34,7 mil milhões de euros, uma subida de 19% face ao período homólogo de 2016, ao mesmo tempo que os lucros antes de descontados os juros e taxas foi de 1,046 mil milhões, ou seja, mais 15%.

Financiámos um em cada dois veículos vendidos a nível mundial pelo Grupo Daimler”, revela o CEO da Daimler Financial Services AG, Klaus Entenmann. “Com cerca de um milhão de novos contratos nestes primeiros seis meses, estamos claramente a caminho de alcançar mais um ano recorde. O que se deve, principalmente, à óptima performance nas vendas das divisões automóveis e, em particular, da Mercedes-Benz Cars.”

Klaus Entenmann, CEO da Daimler Financial Services

Destaque ainda para o facto de o portfólio em termos de veículos financiados directamente ou em leasing ter subido 17%, para as 4,6 milhões de unidades, contra os 3,9 milhões na segunda metade de 2016, número que corresponde a um volume de negócios a rondar os 134 mil milhões de euros. Sendo que o grupo alemão espera um aumento significativo no número de novos negócios a realizar até ao final de 2017, assim como um crescimento no volume de contratos.

Ao mesmo tempo, a companhia conseguiu mais do que duplicar o número de clientes em todo o mundo que decidiram aderir aos serviços digitais de mobilidade, com o car2go (líder mundial em partilha de veículo sem local de toma ou entrega definidos), mytaxi (líder de mercado no seu segmento, na Europa), ou o moovel (aplicação online de reserva e pagamento de serviços de mobilidade). Os quais são agora utilizados por 14,5 milhões de clientes em todo o mundo, ou seja, um aumento de 116% face a 2016.

A contribuir para esta subida, a aquisição, por parte do Grupo Daimler, da empresa Clever Taxi, na Roménia, e da Taxibeat, companhia que opera tanto na Grécia como no Peru. Situação que torna a aplicação mytaxi o líder europeu entre os fornecedores de apps para táxis, com um total de 8,2 milhões de utilizadores. Já a aplicação de carsharing car2go, apresenta actualmente 2,6 milhões de utilizadores em todo o mundo, ao passo que a moovel vende um bilhete a cada segundo, ajudando a transportar 2,9 milhões de clientes em várias regiões da Europa e da América do Norte.

Comparador de carros novos

Compare até quatro, de entre todos os carros disponíveis no mercado, lado a lado.

Comparador de carros novosExperimentar agora

Todos queremos saber mais. E escolher bem.

A vida é feita de escolhas. E as escolhas devem ser informadas.

Há uns meses o Observador fez uma escolha: uma parte dos artigos que publicamos deixariam de ser de acesso totalmente livre. Esses artigos Premium, por regra aqueles onde fazemos um maior investimento editorial e que mais diferenciam o nosso projecto, constituem a base do nosso programa de assinaturas.

Este programa Premium não tolheu o nosso crescimento – arrancámos mesmo 2019 com os melhores resultados de sempre.

Este programa tornou-nos mesmo mais exigentes com o jornalismo que fazemos – um jornalismo que informa e explica, um jornalismo que investiga e incomoda, um jornalismo independente e sem medo. E diferente.

Este programa está a permitir que tenhamos uma nova fonte de receitas e não dependamos apenas da publicidade – porque não há futuro para a imprensa livre se isso não acontecer.

O Observador existe para servir os seus leitores e permitir que mais ar fresco circule no espaço público da nossa democracia. Por isso o Observador também é dos seus leitores e necessita deles, tem de contar com eles. Como subscritores do programa de assinaturas Observador Premium.

Se gosta do Observador, esteja com o Observador. É só escolher a modalidade de assinaturas Premium que mais lhe convier.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: observador@observador.pt

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)