Lançado no mercado em 2013 e actualizado no Outono de 2016, a dupla de monovolumes da marca do Double Chevron, Citroën C4 Picasso e C4 Grand Picasso, alcançaram uma marca histórica, ao ultrapassar, quatro anos após o início da comercialização, mais de 500 mil unidades vendidas em todo o mundo.

Chegados ao mercado primeiramente na versão de cinco lugares, em Junho, e só três meses depois na variante de sete bancos, o Citroën C4 Picasso e C4 Grand Picasso são duas variantes de um mesmo monovolume que, numa época de SUV e crossovers, continuam ainda a afirmar a solução por excelência para as famílias. Desde logo, graças à habitabilidade, modularidade e conforto proporcionado para todos os ocupantes.

Quanto à procura, o Citroën C4 Picasso continua a ter nos mercados francês, espanhol e britânico a sua maior aceitação. Portugal surge mais atrás, com um total de 2.850 unidades transaccionadas das duas variantes, desde o lançamento, em 2013.

Já no que concerne a versões, mais de 80% das vendas realizadas em todo o mundo dizem respeito às versões mais equipadas, “Feel” e “Shine”, ao passo que 45% incluem a caixa de velocidades automática de seis velocidades (EAT6).

No caso concreto do mercado português, é o nível de equipamento intermédio (“Feel”) que maior procura tem registado (53%), na maior parte dos casos (49%) conjugado com o motor 1.6 BlueHDi.