O arquipélago da Madeira vai estar até quinta-feira sob aviso laranja, o segundo mais grave, por causa da agitação marítima e do vento e Portugal continental está todo sob aviso amarelo por causa do frio.

Segundo o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA), estão previstas para Costa Norte da Madeira e para Porto Santo ondas de norte com entre 5 a 6,5 metros e o vento poderá soprar com rajadas até 100 km/hora.

Já o território de Portugal continental está todo sob aviso amarelo por persistência de valores baixos da temperatura mínima até ao início do dia de quinta-feira.

Além do frio, o aviso amarelo está igualmente ativo para os distritos do Porto, Viana do Castelo, Lisboa, Leiria, Aveiro, Coimbra e Braga até quinta-feira por causa da agitação marítima, com a previsão de ondas de noroeste com 4 a 5 metros.

O IPMA prevê para esta quarta-feira a continuação do tempo frio e vento moderado a forte no litoral oeste e nas terras altas, aguaceiros fracos e pouco frequentes, em especial nas regiões Norte e Centro e que serão de neve acima de 600/800 metros.

De acordo com o IPMA, as temperaturas mínimas vão chegar aos 4 graus negativos em Bragança e na Guarda, enquanto em Leiria, Viseu e Vila Real as mínimas não vão ultrapassar um grau negativo.

Já com temperaturas mínimas positivas, mas ainda baixas, estão os distritos de Castelo Branco, Portalegre, Coimbra, Évora e Beja, com um grau previsto, Braga, Porto, Santarém e Sines, com 2 graus, Viana do Castelo, com 3 graus, e Lisboa e Faro, onde as mínimas não vão passar dos 4 graus.

Já as temperaturas máximas não vão ultrapassar os 13 graus em Santarém e Faro, os 12 em Lisboa, Porto e Évora, os 11 em Braga, Coimbra, Leiria e Beja, os 10 em Viana do Castelo e Castelo Branco , os 8 em Portalegre, Viseu e Vila Real e os 6 graus em Bragança e na Guarda.