Os técnicos de diagnóstico e terapêutica agendaram esta quarta-feira dois dias de greve nacional para 24 e 25 de maio, anunciou à Lusa o presidente de uma estrutura sindical.

Almerindo Rego, do Sindicato Nacional dos Técnicos Superiores de Saúde das Áreas de Diagnóstico e Terapêutica, disse que as quatro estruturas sindicais estiveram reunidas com o Governo no Ministério da saúde, não tendo chegado a acordo sobre “as matérias em aberto”.

“Não houve acordo nas matérias relativas às tabelas salariais, transições para nova carreira e sistema de avaliação. A proposta do Governo coloca-nos numa posição salarial pior do que aquela em que estamos atualmente”, afirmou o sindicalista.

As quatro estruturas sindicais decidiram marcar dois dias de greve nacional para este mês, sendo que o dia 25 coincide com a paralisação dos trabalhadores da saúde, agendada pelos sindicatos afetos à CGTP.