As provas de aceleração com arranque parado, uma moda muito americana, estão cada vez mais na ordem do dia, mesmo no Velho Continente. E a prova surge aqui, com o piloto Daniel Abt, que opõe o Audi RS3, em versão eléctrica, que já antes se tinha batido contra o Lamborghini Huracán Performante, ao Porsche 911 GT2 RS de 700 cv.

Mas, para apimentar ainda mais a competição entre estes monstros da aceleração em recta, foi decidido que o Audi alimentado por bateria se iria apresentar-se à parte em… marcha-atrás. Isto apresentava desde logo um problema, pois o recorde em marcha-atrás está fixado em 162,7 km/h, mas o Audi, se pretendia ter alguma probabilidade de bater o Porsche, tinha de alcançar no mínimo 200 km/h. O que, como se pode facilmente compreender, não é tarefa fácil, pois de outra forma o recorde já tinha sido batido.

O vídeo espelha bem o que aconteceu, com o 911 GT2 RS de 700 cv a andar para a frente e a enfrentar o Audi RS3 movido a electricidade, que comete a “deselegância” de arrancar em… marcha-atrás. Dada a partida, os dois monstros aceleram pista fora e o Audi ganha. Veja aqui como: