As defesas aéreas da capital síria reagiram a um ataque de mísseis nos arredores de Damasco, noticiaram hoje os meios de comunicação estatais.

A autoria do ataque não foi divulgada pela televisão pública, na primeira vez desde novembro que a área da capital é atacada com mísseis.

Ataques anteriores foram atribuídos a Israel, uma vez que visaram forças iranianas e do movimento libanês Hezbollah que lutam ao lado das forças do regime do Presidente, Bashar al-Assad.

A Rússia anunciou que já entregou a Damasco o sistema de defesa aérea em outubro, depois de um avião de reconhecimento russo ter sido abatido por forças sírias que reagiam a um ataque aéreo israelita.