Brisa

Brisa avança contra credores “hostis” e coloca em causa serviço na AE Douro Litoral

A Brisa vai usar "todos os meios" para repor a legalidade na Autoestradas do Douro Litoral, cuja gestão foi transferida para um conjunto de credores liderados por um fundo de investimento.

Fernando Veludo/LUSA

Autor
  • Agência Lusa

A Brisa vai usar “todos os meios” para repor a legalidade na Autoestradas do Douro Litoral, cuja gestão foi transferida para um conjunto de credores liderados por um fundo de investimento, e colocou em causa o serviço prestado pela concessionária.

“A Brisa — Autoestradas de Portugal, SA informa que utilizará todos os meios ao seu alcance para repor a legalidade na concessionária Autoestradas do Douro Litoral, após a ação hostil desencadeada por um conjunto de credores liderados pelo ‘hedge fund’ Strategic Value Partners LLC”, revelou a empresa este domingo num comunicado, sem detalhar as ações que vai tomar.

Os credores da Auto-Estradas do Douro Litoral (AEDL), liderados pelos fundos de investimento geridos ou assessorados pela Strategic Value Partners LLC e suas afiliadas (“SVPGlobal”) e Cross OceanAdviser LLP e as suas afiliadas (“Cross Ocean Partners”)”, assumiram na quinta-feira as participações sociais da concessionária.

De acordo com os credores, a concessionária, nos últimos cinco anos, não tem cumprido as suas obrigações de pagamento de reembolsos de capital, juros, custos e comissões dos seus contratos financeiros, devido a uma estrutura de custos elevados e níveis de tráfego que estão abaixo das expectativas originais”.

A Brisa contrapõe que “a entrada por meios hostis, sem aviso prévio, no meio de um processo negocial, por parte destes fundos de investimento de curto prazo, deve ser motivo de grande preocupação, porque coloca em causa de imediato o normal funcionamento da concessionária e o serviço público prestado aos portugueses pela Autoestradas do Douro Litoral”.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: observador@observador.pt
China

Vamos mesmo ignorar isto? /premium

Sebastião Bugalho

A Europa assumiu pela primeira vez que o expansionismo da China representa uma ameaça para o continente e os jornais portugueses, que tão competentemente cobriram a visita de Xi, não fazem perguntas?

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)