McLaren

Não há crise na McLaren. Ingleses aumentam vendas

Nada melhor do que produzir automóveis que os condutores querem comprar. Esta máxima tem servido perfeitamente os interesses da McLaren, cujos desportivos continuam a atrair clientes.

Com muitos fabricantes a sofrer devido às quebras nas vendas, ou em virtude dos enormes investimentos que têm de realizar para a electrificação dos seus motores, é bom verificar que há quem passe incólume por entre os pingos da chuva.

A McLaren é historicamente uma equipa de Fórmula 1 (F1) que, um belo dia, impulsionada pelo seu projectista na altura, Gordon Murray, decidiu aventurar-se enquanto construtor de automóveis, obviamente superdesportivos. O seu primeiro veículo foi o McLaren F1, mas desde então nunca mais parou, com os seus modelos a serem cada vez mais respeitados, batendo-se taco a taco com a Ferrari, estatuto que outros fabricantes, designadamente a Porsche, nunca conseguiram atingir.

E o mercado continua a dar-lhe razão. Optando por não se aventurar nos SUV, pelo menos para já – admitindo que se eleva a facturação e os lucros, não faz maravilhas à imagem da marca produzir modelos grandes, pesados e lentos –, a McLaren teve um 2018 excelente, atingindo um novo recorde de vendas. O incremento de 44% permitiu-lhe colocar no mercado 4.806 unidades, grande parte resultante de unidades fabricadas pela Sports Series, a sua divisão de produção de modelos sob encomenda. Os EUA são o maior mercado da McLaren, absorvendo cerca de 33% das vendas, com a China a assumir uma posição cada vez mais respeitável no ranking, especialmente em 2018, ano em que a procura cresceu 122%.

Para a McLaren, o caminho passa por produzir desportivos cada vez mais exuberantes, possantes e agressivos, ao invés de outras marcas, que produzem modelos que não passam de versões (com outros emblemas) de SUV de marcas generalistas, como acontece com a Porsche, por exemplo. Sendo que a McLaren tão pouco possui uma outra marca no grupo a quem possa recorrer para ter acesso a chassis e motores baratos.

Participe nos Prémios Auto Observador e habilite-se a ganhar um carro

Vote na segunda edição do concurso dedicado ao automóvel cuja votação é exclusivamente online. Aqui quem decide são os leitores e não um júri de “especialistas” e convidados.

Participe nos Prémios Auto ObservadorVote agora
Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: alavrador@observador.pt

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)