A quarta edição do Grande Prémio Internacional Beiras e Serra da Estrela arranca esta sexta-feira, com a primeira de três etapas a ligar Vilar Formoso a Pinhel, num pelotão com dois antigos vencedores.

Sem o russo Dmitry Strakhov, vencedor em 2018, o português Jóni Brandão (Efapel) e o espanhol Jesus Del Pino (Vito-Feirense) são os dois antigos campeões entre os 114 ciclistas inscritos.

A primeira etapa, com 155,6 quilómetros, liga Vilar Formoso a Pinhel, num percurso com duas contagens de montanha, em Cidadelhe (segunda categoria), aos 57,2 quilómetros, e em Marialva (terceira), aos 80,2.

As duas metas volantes do dia, com bonificações para os três primeiros, estão instaladas em Castelo Rodrigo (37,3 quilómetros) e em Meda (89,2).

À semelhança do que aconteceu em 2018, também haverá bonificações na meta, que poderão ser decisivas para a atribuição do triunfo final.