Moçambique

Moçambique. Pelo menos 150 postos de recenseamento destruídos

A Sala de Paz defende que o povo não pode participar num recenseamento eleitoral enquanto tenta recuperar das calamidades que têm afetado o país. A zona da Zambézia registou 100 postos destruídos.

O recenseamento começou na segunda-feira e tem um custo de 55 milhões de euros

JOÃO PORFÍRIO/OBSERVADOR

Autor
  • Agência Lusa

A organização não-governamental (ONG) moçambicana Sala da Paz revelou esta quinta-feira que há pelo menos 150 postos de recenseamento eleitoral destruídos na zona centro do país, o que pode comprometer o processo que iniciou na segunda-feira.

“As pessoas não estão em condições de aderir a um processo de recenseamento eleitoral quando a sua vida está fortemente condicionada pelas vicissitudes”, disse Atanásio Matavel, da Sala da Paz, em conferência de imprensa em Maputo.

A ONG Sala da Paz verificou que na província da Zambézia, em pelo menos nove distritos onde existem 1144 postos de recenseamento, 100 foram destruídos, o que corresponde a 10,74% dos postos. Já em cinco distritos da província de Sofala, dos 425 postos de recenseamento 39 estão destruídos, o que corresponde a 32,71%.

Por sua vez, em dois distritos de Manica, dos 433 postos de recenseamento, 11 estão destruídos. A província de Tete é a menos afetada, contando com 425 postos de recenseamento operacionais. Em todo o país a Sala da Paz constatou atrasos na abertura de postos de recenseamento e uso de panfletos com datas erradas na educação cívica.

O recenseamento eleitoral, que arrancou na segunda-feira, terá duração de 46 dias. Tem um custo de quatro mil milhões (55 milhões de euros).

As eleições gerais estão marcadas para 15 de outubro.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: observador@observador.pt

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)