O presidente angolano exonerou 12 altos responsáveis do Ministério do Interior, incluindo o comissário-chefe de Investigação Criminal, bem como o comandante do Serviço de Proteção Civil e Bombeiros e o diretor-geral do Serviço de Migração e Estrangeiros.

Segundo uma nota de imprensa divulgada a 24 de agosto, João Lourenço determinou a exoneração do comissário-chefe de Investigação Criminal, Eugénio Pedro Alexandre, do cargo de diretor geral do Serviço de Investigação Criminal do Ministério do Interior, sendo este nomeado Conselheiro do Ministro do Interior.

O comissário Arnaldo Manuel Carlos, exonerado do cargo de delegado do Ministério do Interior e Comandante da Polícia Nacional na Província da Huíla, será o novo diretor geral do Serviço de Investigação Criminal do Ministério do Interior.

São também exonerados os comissários de Investigação Criminal Pedro Pascoal Domingos Rodrigues, Carlos Manuel Alves, António Pereira Freire dos Santos, António Pedro Amaro Neto e Humberto José Belo Lopes Frade, e os subcomissários Miguel Arcanjo Sumbo, Almerindo João de Almeida e Mário António Francisco, que exerciam funções em várias províncias.

O Comissário de Investigação Criminal Humberto José Belo Lopes Frade foi nomeado Diretor Central de Operações do Serviço de Investigação Criminal do Ministério do Interior, Miguel Arcanjo Sumbo, Diretor Geral-Adjunto do Serviço de Investigação Criminal do Ministério do Interior e Almerindo João de Almeida, Diretor Geral-Adjunto do Serviço de Investigação Criminal do Ministério do Interior.

O Subcomissário de Investigação Criminal Mário António Francisco foi indicado Conselheiro do Diretor Geral do Serviço de Investigação Criminal do Ministério do Interior.

Noutro decreto, o presidente angolano exonera Bênção Cavila Nyoka Abílio, do cargo de Comandante do Serviço de Proteção Civil e Bombeiros e Gil Famoso Sebastião da Silva, do cargo de diretor Geral do Serviço de Migração e Estrangeiros do Ministério do Interior.

O Comissário de Migração João António da Costa será o novo Diretor Geral do Serviço de Migração e Estrangeiros do Ministério do Interior e o Comissário Bombeiro Bensau Mateus, para o cargo de Comandante do Serviço de Proteção Civil e Bombeiros do Ministério do Interior.