Logo na abertura a Web Summit apresenta, via teleconferência diretamente da Rússia, um dos mais surpreendentes convidados: Edward Snowden, o analista norte-americano que publicou documentos confidenciais sobre os EUA. É o pontapé de saída para quatro dias de conferência, com a presença de representantes de gigantes tecnológicos, como a Microsoft ou a Huawei, bem como representantes políticos e estrelas do cinema e do futebol.

Mais uma vez, a popular conferência ocupa a Altice Arena e os pavilhões da FIL – um local estratégico de Lisboa, com acessos via auto-estrada, Metro de Lisboa e comboios, numa zona que funciona como centro empresarial e comercial. A dois passos da Summit, um dos pontos de referência de todo o Parque das Nações: o Centro Vasco da Gama, que nestes dias acaba por servir como um natural suporte ao evento e a todos os que nele participam, colocando múltiplos serviços à disposição que serão uma mais-valia.

A posição privilegiada do centro foi justamente o ponto de partida para uma parceria inovadora: a partir da varanda do centro a rádio Observador faz a sua emissão de final de tarde, bem como a cobertura do evento. Não perca a oportunidade de visitar o Centro Vasco da Gama e ver a rádio ao vivo!

A Web Summit tem como objectivo posicionar Lisboa como uma capital da inovação, do empreendedorismo e do talento, mas o que esperam os lisboetas do evento? Fomos descobrir isso mesmo, junto dos utilizadores do Centro Vasco da Gama – que terão a oportunidade de, quem sabe, encontrar algumas das estrelas do evento nos atrativos espaços do centro.