Última contratação de médicos para a maternidade de Castelo Branco, segundo o Sindicato dos Médicos da Zona Centro, aconteceu em 2014 levando agora os médicos a apelar a uma “contratação urgente” de profissionais, avança a SIC Notícias.

De acordo com o mesmo sindicato há médicos a trabalhar 72 horas consecutivas nas urgências de obstetrícia, acrescentando que já contactou o Ministério da Saúde e a Administração Regional de Saúde do Centro, mas que até ao momento não obtiveram respostas.

(Em atualização)