A Unbabel, startup portuguesa que alia inteligência artificial com pós-edição humana para fazer tradução automática, foi distinguida como a maior scaleup (startups que já estão numa fase de crescimento e expansão mais acelerada) portuguesa em 2019, no ranking feito pela aceleradora de startups BGI em colaboração com o Instituto Europeu de Inovação e Tecnologia (EIT Digital).

Composto por 25 scaleups, o ranking teve como critérios de avaliação os projetos fundados entre 2013 e 2018, o investimento total captado que cada empresa captou, as receitas, o rácio entre capital e receitas, o número de postos de trabalho criados e o potencial de criação de novos empregos.

No top 10 do ranking, depois da Unbabel, encontra-se a Pagaqui, a 360imprimir, a DefinedCrowd, a Codacy, a Virtual Power Solutions, a Dashdash, a Huub, a Landing.jobs e a Xhockware.

Unbabel. Startup portuguesa vence prémio internacional na área de atendimento ao cliente

De acordo com o mesmo relatório, as 25 maiores scaleups portuguesas angariaram, em 2019, 178 milhões de euros em investimento, mais 54% do que o captado pelo top 25, no ano passado. Destes 178 milhões de euros, 87% teve origem em capital estrangeiro, com os restantes 13% a serem garantidos por investidores portugueses. Os Estados Unidos da América são o país que mais investe, representando 58% do mercado, seguidos pela Alemanha (15%), Portugal (10%) e o resto da União Europeia (4%).

A Unbabel desencolveu um software de tradução automática de inteligência artificial que se alia a uma rede global de tradutores. Em setembro, a empresa portuguesa fechou uma ronda de investimento série C no valor de 60 milhões de dólares, liderada pela Point72 Ventures. Desde que foi fundada, em 2013, a Unbabel angariou 91 milhões de dólares em investimento.

Unbabel recebe 60 milhões de dólares de investimento. Vem aí um “unicórnio com asas”?

Com escritórios em Lisboa, São Francisco, Nova Iorque e Pittsburgh, a startup conta com mais de 200 colaboradores e tem como clientes marcas como o Facebook, Microsoft, Booking.com ou easyJet.