Dois homens foram detidos por serem suspeitos de assassinarem uma mulher de 64 anos com uma arma branca, em 13 de abril, na localidade de Queijas, em Oeiras, sendo um deles filho da vítima, anunciou esta terça-feira a PJ.

Em comunicado, a Polícia Judiciária (PJ), através da Diretoria de Lisboa e Vale do Tejo, referiu que a investigação conseguiu determinar que os “presumíveis autores” planearam de forma antecipada o assassínio da mulher.

De acordo com a PJ, os homens estão indiciados pela prática, em coautoria, de um crime de homicídio qualificado.

A detenção do filho, de 40 anos, ocorreu alguns dias após o crime, segundo a Polícia Judiciária, tendo-lhe sido decretada a medida de coação de prisão preventiva.

Por seu turno, o coautor foi detido na segunda-feira, num bairro da cidade de Lisboa, depois de se ter ausentado “da sua residência habitual para paradeiro desconhecido”.

O homem de 38 anos será esta terça-feira presente a primeiro interrogatório, no qual lhe serão aplicadas as medidas de coação processual adequadas.

As autoridades indicaram ainda que a vítima “viria a ser morta” numa residência onde habitava ocasionalmente, através de utilização de arma branca, tendo-lhe sido roubados alguns bens.

De acordo com as autoridades policiais, o filho da vítima pretendeu obter “proveitos económicos, acordando com o seu coautor, a troco de um pagamento, a execução conjunta do crime”.