Os deputados da JSD questionaram esta quarta-feira o Governo se pode garantir que vai haver computadores para todos os alunos antes do arranque do ano letivo, salientando que se tratou de uma promessa do Governo.

Os deputados do PSD assistem com preocupação ao facto de, nas vésperas do regresso às aulas do ano letivo 2020/2021, não existirem informações de desenvolvimentos ou data assegurada para a conclusão do programa de distribuição de computadores aos alunos, uma promessa recente do sr. primeiro-ministro e do sr. ministro da Educação”, refere a pergunta entregue no parlamento e assinada por Alexandre Poço, líder da Juventude Social-Democrata (JSD), Margarida Balseiro Lopes e André Neves.

Os deputados sociais-democratas querem saber em que fase de distribuição de computadores se encontra o programa “Escola Digital” e quantos alunos ainda não receberam o referido equipamento.

Quando se prevê a concretização da promessa do primeiro-ministro e do ministro da Educação da chegada deste equipamento a todo o território nacional? Consegue o Governo garantir a conclusão da distribuição a tempo do início do ano letivo 2020/2021?”, perguntam ainda.

Os deputados salientam que, depois de no último ano letivo, a passagem para o ensino à distância devido à pandemia de Covid-19 ter deixado “milhares de alunos desconectados das suas escolas, por não possuírem os equipamentos indispensáveis”, este ano “o Governo deve preparar-se para todos os cenários”.

“Em março, a pandemia apanhou todos de surpresa, para este novo ano letivo exigimos uma melhor preparação e que o Governo cumpra a promessa que fez aos alunos e aos encarregados de educação”, apela Alexandre Poço, num comunicado da Comissão Política da JSD, onde refere que têm chegado à ‘jota’ “vários relatos de atrasos na entrega”.