O mercado chinês é demasiado importante para a Audi deixar escapar a oportunidade de apresentar, durante o maior salão automóvel local, um modelo que é simultaneamente de grandes dimensões e, para mais, eléctrico, no mercado que mais consome este tipo de motorização. Daí que uma das novidades previstas para o próximo Salão de Xangai, que abre ao público a 21 de Abril, seja o Audi A6 e-tron Concept.

A berlina familiar alemã ainda é somente um protótipo, mas tudo indica que as linhas que exibe serão muito próximas das que vão passar à produção em série, um pouco à semelhança do que também aconteceu com o e-tron GT. A frente é mais comprida do que o habitual para um eléctrico, o que se justifica se tiver uma frunk, para depois a traseira ser elevada e a linha do tejadilho fluída, para perseguir um melhor aerodinamismo.

Interessante é o facto de o A6 eléctrico ser o primeiro modelo do grupo alemão a recorrer à nova plataforma específica para modelos a bateria, a PPE (Premium Platform Electric), depois da J1, que gera o Porsche Taycan e o Audi e-tron GT, e da MEB que serve todos os restantes eléctricos modernos, da VW à Audi, passando pela Cupra, Seat, Skoda e até a Ford, a quem esta base vai ser vendida.