760kWh poupados com a
i

A opção Dark Mode permite-lhe poupar até 30% de bateria.

Reduza a sua pegada ecológica.
Saiba mais

Nuno Graciano internado no hospital com "prognóstico reservado"

Um comunicado publicado nas redes sociais do antigo apresentador informa que este sofreu um "problema de saúde" e que está internado desde segunda-feira.

O antigo apresentador tem estado afastado da televisão e já concorreu à presidência da Câmara Municipal de Lisboa
i

O antigo apresentador tem estado afastado da televisão e já concorreu à presidência da Câmara Municipal de Lisboa

JOÃO PORFÍRIO/OBSERVADOR

O antigo apresentador tem estado afastado da televisão e já concorreu à presidência da Câmara Municipal de Lisboa

JOÃO PORFÍRIO/OBSERVADOR

Nuno Graciano encontra-se internado no hospital desde segunda-feira, segundo um comunicado divulgado nas suas redes sociais. A mesma publicação não refere qual foi o “problema de saúde” que levou ao internamento, mas sublinha que o antigo apresentador, de 54 anos, está com um “prognóstico reservado”.

“Agradecemos todo o apoio que temos recebido. Pedimos o máximo de respeito à família nesta fase”, reforçou o comunicado. Ao que o Observador conseguiu apurar, Graciano terá tido um ataque cardíaco e encontra-se em coma.

Os amigos de Nuno Graciano, que é pai de quatro filhos, mostraram logo preocupação nos comentários, nomeadamente a apresentadora Rita Mendes, que disse: “Estamos a rezar por ti, amigo. Que corra tudo bem”. Também o apresentador da TVI Zé Lopes reforçou: “Nuno, estou contigo”.

Nuno Graciano tem estado fora da televisão desde que foi comentador do programa TVI Extra e que participou no Big Brother Famosos, em 2022. No ano anterior, tinha-se candidatado à presidência da Câmara de Lisboa, pelo partido Chega, tendo depois dito que não é “filiado do partido” e que o fez apenas pela “possibilidade de trabalhar com pessoas” e “ao serviço do povo”.

Nuno Graciano: “Não me conseguem demover da pena de morte para pedófilos. É uma doença incurável”

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

Ofereça este artigo a um amigo

Enquanto assinante, tem para partilhar este mês.

A enviar artigo...

Artigo oferecido com sucesso

Ainda tem para partilhar este mês.

O seu amigo vai receber, nos próximos minutos, um e-mail com uma ligação para ler este artigo gratuitamente.

Ofereça artigos por mês ao ser assinante do Observador

Partilhe os seus artigos preferidos com os seus amigos.
Quem recebe só precisa de iniciar a sessão na conta Observador e poderá ler o artigo, mesmo que não seja assinante.

Este artigo foi-lhe oferecido pelo nosso assinante . Assine o Observador hoje, e tenha acesso ilimitado a todo o nosso conteúdo. Veja aqui as suas opções.

Atingiu o limite de artigos que pode oferecer

Já ofereceu artigos este mês.
A partir de 1 de poderá oferecer mais artigos aos seus amigos.

Aconteceu um erro

Por favor tente mais tarde.

Atenção

Para ler este artigo grátis, registe-se gratuitamente no Observador com o mesmo email com o qual recebeu esta oferta.

Caso já tenha uma conta, faça login aqui.