805kWh poupados com a
i

A opção Dark Mode permite-lhe poupar até 30% de bateria.

Reduza a sua pegada ecológica.
Saiba mais

Milano: mini SUV da Alfa Romeo vai ser a combustão e eléctrico

A Alfa Romeo mostrou o Milano, o novo SUV que será o mais pequeno e mais acessível da gama. O modelo, que abre as encomendas em Maio, apresenta uma estética moderna e uma grelha inspirada no passado.

10 fotos

O novo Milano é um modelo particularmente importante para a Alfa Romeo e surge no momento ideal para o construtor italiano, que depois de comercializar 198 mil unidades em 2001 caiu continuamente até 25 mil em 2021, ano em que começou a recuperar para 32 mil veículos em 2022 e 42 mil em 2023. Em grande parte, este incremento das vendas deveu-se ao reforço da gama, que passou a contar com o SUV Tonale, do segmento C (4,52 m de comprimento). Agora, a Alfa Romeo passa a usufruir igualmente do Milano, o primeiro SUV do construtor no segmento B (4,17 m) e o primeiro veículo a oferecer uma mecânica 100% eléctrica numa marca que foi fundada em 1910.



PUB — Se fosse de carro não estaria a ler esta frase. Descubra aqui o automóvel certo para o seu estilo de vida


O Milano surpreende ao exibir um design mais sofisticado e bem conseguido do que o Tonale, o seu “irmão maior”. Com uma largura de 1,78 m e uma altura de 1,5 m, associadas aos já mencionados 4,17 m de comprimento, o B-SUV da Alfa Romeo alinha pelos seus concorrentes, mas o que salta à vista é a aposta do construtor na estética e na personalidade, sobretudo quando comparado com o Tonale. O CEO da marca, Jean-Philippe Imparato, já tinha reconhecido que, quando assumiu o controlo da Alfa Romeo, o Tonale já estava terminado, pelo que pouco era possível fazer, mas assegurou desde logo que os modelos seguintes iriam ter um cunho mais vincado do espírito desportivo do construtor. E os guarda-lamas “musculados”, a traseira vertical e a frente com uma nova assinatura luminosa fazem a diferença, com a particularidade de a grelha variar consoante a versão, podendo surgir uma solução a puxar à tradição e outra mais ousada e desportiva, em que é evidente a serpente e a cruz associadas ao emblema de Milão.

13 fotos

Por dentro e até conseguirmos avaliar o espaço oferecido, que acreditamos ser similar ao disponibilizado pelo Peugeot 2008, o líder dos B-SUV, ficamos pelo tablier e bancos, ambos atraentes e se o primeiro é tipicamente Alfa, mas mais moderno, os bancos parecem envolventes e, como seria de esperar, desportivos. Quanto ao resto, a marca italiana reivindica a capacidade de realizar actualizações over-the-air e anuncia que o modelo estará equipado com Alfa Connect Services, uma série de sistemas de ajuda à condução e um conjunto de soluções para veículos eléctricos, estas últimas específicas do Milano Elettrica. Destaque ainda para o assistente virtual Hey Alfa, que recorre à Inteligência Artificial do ChatGPT para se assumir como um copiloto tão útil quanto inteligente.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

O Milano foi concebido sobre a base que já serve o Peugeot 2008 e o Jeep Avenger, recorrendo à plataforma multienergia da Stellantis que pode gerar modelos com motores a combustão, híbridos ou eléctricos alimentados a bateria. A primeira versão a chegar ao mercado será precisamente a 100% eléctrica. O Milano Elettrica associa a bateria com uma capacidade bruta de 54 kWh a um motor com 156 cv, anunciando uma autonomia de 410 km entre recargas.

3 fotos

Para quem procure mais emoção, a Alfa Romeo disponibiliza o Milano Elettrica Veloce, que eleva a potência para 240 cv, respeitando assim o espírito desportivo da marca transalpina. Além da potência superior, o Veloce monta barras estabilizadoras mais grossas, suspensão desportiva 25 mm mais baixa, diferencial autoblocante Torsen, jantes de 20” e discos de travão de maiores dimensões, com 380 mm à frente e maxilas de quatro pistões.

7 fotos

Depois da versão eléctrica, em Junho abrirá o período de encomendas para o Milano Ibrida que, como a denominação indica, recorre a motores híbridos a gasolina. A versão Ibrida “normal” alia o três cilindros sobrealimentado com 1,2 litros a um motor eléctrico com 29 cv e uma pequena bateria, para oferecer uma potência total de 136 cv. A oferta contará ainda com o Q4 Ibrida, que dispõe de transmissão 4×4 e uma potência combinada de 240 cv.

7 fotos

Com as encomendas do Milano Elettrica a abrirem em Maio e as do Milano Ibrida em Junho ou Julho, o novo SUV da Alfa Romeo irá começar a chegar aos clientes no último trimestre de 2024.

 
Assine o Observador a partir de 0,18€/ dia

Não é só para chegar ao fim deste artigo:

  • Leitura sem limites, em qualquer dispositivo
  • Menos publicidade
  • Desconto na Academia Observador
  • Desconto na revista best-of
  • Newsletter exclusiva
  • Conversas com jornalistas exclusivas
  • Oferta de artigos
  • Participação nos comentários

Apoie agora o jornalismo independente

Ver planos

Oferta limitada

Apoio ao cliente | Já é assinante? Faça logout e inicie sessão na conta com a qual tem uma assinatura

Há 4 anos recusámos 90.568€ em apoio do Estado.
Em 2024, ano em que celebramos 10 anos de Observador, continuamos a preferir o seu apoio.
Em novas assinaturas e donativos desde 16 de maio
Apoiar

19 MAIO 2024 - SEDE OBSERVADOR

Atos de vandalismo não nos calarão.

Apoie o jornalismo que há 10 anos se pauta pela liberdade de expressão e o nunca vergar por qualquer tipo de intimidação.

Assine 1 ano / 29,90€ Apoiar

MELHOR PREÇO DO ANO

Ao doar poderá ter acesso a uma lista exclusiva de benefícios

Ofereça este artigo a um amigo

Enquanto assinante, tem para partilhar este mês.

A enviar artigo...

Artigo oferecido com sucesso

Ainda tem para partilhar este mês.

O seu amigo vai receber, nos próximos minutos, um e-mail com uma ligação para ler este artigo gratuitamente.

Ofereça artigos por mês ao ser assinante do Observador

Partilhe os seus artigos preferidos com os seus amigos.
Quem recebe só precisa de iniciar a sessão na conta Observador e poderá ler o artigo, mesmo que não seja assinante.

Este artigo foi-lhe oferecido pelo nosso assinante . Assine o Observador hoje, e tenha acesso ilimitado a todo o nosso conteúdo. Veja aqui as suas opções.

Atingiu o limite de artigos que pode oferecer

Já ofereceu artigos este mês.
A partir de 1 de poderá oferecer mais artigos aos seus amigos.

Aconteceu um erro

Por favor tente mais tarde.

Atenção

Para ler este artigo grátis, registe-se gratuitamente no Observador com o mesmo email com o qual recebeu esta oferta.

Caso já tenha uma conta, faça login aqui.

Há 4 anos recusámos 90.568€ em apoio do Estado.
Em 2024, ano em que celebramos 10 anos de Observador, continuamos a preferir o seu apoio.
Em novas assinaturas e donativos desde 16 de maio
Apoiar

19 MAIO 2024 - SEDE OBSERVADOR

Atos de vandalismo não nos calarão.

Apoie o jornalismo que há 10 anos se pauta pela liberdade de expressão e o nunca vergar por qualquer tipo de intimidação.

Assine 1 ano / 29,90€

MELHOR PREÇO DO ANO