Tem acesso livre a todos os artigos do Observador por ser nosso assinante.

Cinco militares ficaram feridos num exercício com fogo real de artilharia no Campo Militar de Santa Margarida.

Três militares estão em estado grave e dois tiveram ferimentos ligeiros, afirmou ao Observador o porta voz do Exército. Segundo a agência Lusa, a explosão ocorreu quando manuseavam uma granada, às 11h43, numa área de mato no perímetro do campo militar.

Os feridos graves foram transportados para o Hospital de Abrantes. No local, estiveram os Bombeiros Voluntários de Constância, com quatro homens e duas viaturas, e a Viatura Médica de Emergência e Reanimação (VMER) do Médio Tejo. Os dois feridos ligeiros foram observados na enfermaria da unidade militar.

O acidente deu-se durante o exercício Eficácia 2014, que envolve apenas meios do Exército. Este ramo abriu um processo de averiguações para apurar as causas do acidente.

O Campo de Santa Margarida é a área de instrução do Exército e onde está instalada a Brigada Mecanizada, uma das grandes unidades do Exército, de meios pesados.