Tem acesso livre a todos os artigos do Observador por ser nosso assinante.

Os portugueses foram dos cidadãos europeus que mais escolheram Portugal para passar férias, em 2012. Segundo o Eurostat, os romenos foram os que mais viajaram dentro do próprio país (95%), seguidos dos espanhóis e dos gregos (92%). A seguir vem Portugal, com 90% dos portugueses a preferirem fazer férias no próprio país. Os franceses ficaram em quinto lugar (89%).

Em 2012, os portugueses fizeram mais de 14 mil viagens, mas apenas 9,7% escolheu o estrangeiro. Quando a opção foi a de fazer férias lá fora, os países preferidos dos portugueses foram a vizinha Espanha, França e Itália. Pelo contrário, entre os 28 países da União Europeia, aqueles que mais viajaram além fronteiras foram os luxemburgueses, os belgas, os cipriotas, os malteses e os eslovacos.

Os dados do gabinete de estatísticas europeu mostram que a tendência, em 2012, foi a de viajar dentro da Europa. Em 2012, os residentes dos 28 países da União Europeia fizeram 1,2 mil milhões de viagens, sendo que 85% delas foram dentro da Europa. Quase metade (48%) fez viagens de lazer, 35% viajou para visitar a família e amigos, 13% viajou a trabalho. A média de duração da viagem foi de 5,2 noites.

O meio de transportes mais utilizado por 65% dos viajantes europeus foi o carro, privado ou alugado, seguido do avião (15%), do comboio (12%), e autocarro (6%). Quando escolheram ir para fora, os três destinos preferidos dos europeus para viajar foram Espanha, França e Itália.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR