A seleção portuguesa de futebol isolou-se no sétimo lugar do ‘ranking’ da FIFA, divulgado hoje, distanciando-se da França, numa hierarquia liderada pela Alemanha, campeã do mundo.

Quatro meses depois de ter reentrado no ‘top-10’, o que não acontecia desde julho de 2014, Portugal, orientado por Fernando Santos, mantém-se entre a ‘elite’ do grupo dos dez melhores, em que se regista a descida da França para o oitavo posto, deixando de partilhar o sétimo com Portugal, e a subida do Uruguai para o nono, por troca com a Espanha.

A Alemanha continua a liderar a hierarquia, seguida da Argentina, vice-campeã mundial, e da Colômbia, enquanto o Brasil permanece no sexto posto.

Cabo Verde, treinada por Rui Águas e que será um dos próximos adversários de Portugal, num jogo particular marcado para 31 de março, no Estoril, subiu do 40.º para o 35.º lugar, apesar de não passado da fase de grupos na Taça das Nações Africanas (CAN) de 2015.

A seleção do Irão, orientada pelo português Carlos Queiroz, que foi eliminada pelo Iraque nos quartos de final da Taça da Ásia de 2015, subiu 10 posições na classificação do organismo que rege o futebol mundial, de 51.º para 41.º.

O Gabão, que tem o português Jorge Costa como selecionador nacional e que também se ficou pela fase de grupos da CAN, passou de 62.º para 58.º, enquanto Angola, que falhou o apuramento para a prova continental, desceu da 81.ª para a 84.ª posição.

Moçambique subiu oito postos (de 98.º para 90.º) e a Etiópia, treinada por Mariano Barreto, ligeiramente menos (de 109.º para 102.º), ao contrário da Guiné-Bissau, São Tomé e Príncipe e Timor-Leste, que desceram alguns lugares no ‘ranking’ da FIFA.

A classificação da FIFA vai voltar a ser atualizada a 12 de março.

  • ‘Ranking’ da FIFA, a 12 de fevereiro:

1. (1) Alemanha, 1.729 pontos.

2. (2) Argentina, 1.534.

3. (3) Colômbia, 1.456.

4. (4) Bélgica, 1.430.

5. (5) Holanda, 1.385.

6. (6) Brasil, 1.333.

7. (7) Portugal, 1.189.

8. (7) França, 1.168.

9. (10) Uruguai, 1.146.

10. (9) Espanha, 1.144.

(…)

35. (40) Cabo Verde, 756.

41. (51) Irão, 701.

58. (62) Gabão, 585.

84. (81) Angola, 391.

90. (98) Moçambique, 371.

102. (109) Etiópia, 323.

138. (133) Guiné-Bissau, 212.

174. (170) São Tomé e Príncipe, 75.

187. (185) Timor-Leste, 51.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR