“Este dia vai ficar nos livros por alguns anos”, lê-se no Huffington Post. É bem provável que assim seja. Becky Hammon foi a primeira treinadora a ganhar o campeonato Summer League da NBA em Las Vegas. Aos 38 anos, a mulher atingiu duas metas em pouco tempo. Primeiro, tornou-se a primeira mulher a treinar uma equipa da Summer League. Agora foi a primeira mulher a ganhar o campeonato como treinadora.

O Summer League da National Basketball Association (NBA) é um torneio de verão que serve para as equipas testarem alguns jogadores mais jovens, que poderão tentar a sua sorte por um lugar no plantel. Há duas semanas, Becky era oficialmente a primeira mulher treinadora principal de uma equipa da NBA Summer League. Um ponto de chegada que resultou de um caminho já de sucesso: Becky já trabalhava como treinadora adjunta na equipa de San Antonio liderada por Gregg Popovich. Agora assumiu a responsabilidade principal e cumpriu as expectativas

Os Spurs ganharam aos Phoenix Suns por 93-90. No final, Becky agradeceu aos jogadores. “Eles ouviram-me e jogaram muito por mim. Por isso eu estou muito agradecida pela atenção deles e pelo desejo de ganhar”. Os jogadores dizem que Becky é “uma voz valiosa” no banco e no jogo. “Ela dá-nos outra perspetiva dos bastidores. Vê coisas que nós não vemos”, disse um dos jogadores, Danny green, à NBA TV, cita o Huffington Post.

Até Hillary Clinton, candidata à presidência dos Estados Unidos, felicitou a treinadora no Twitter. “Parabéns Becky Hammon – primeira mulher treinadora na NBA Summer Leage e a primeira mulher a ganhá-lo. Coincidência?”, questiona a candidata. Becky já agradeceu o apoio.

“Toda a gente a respeita. Ela percebe do jogo. Ela entende-o. Ela vê o jogo de uma perspetiva diferente (…). Ela é uma das minhas preferidas. Estou muito feliz por ela”, concluiu um dos jogadores.