A Al-Qaeda divulgou uma mensagem de som, que supostamente pertence a Hamza bin Laden, filho do antigo líder da organização, em que este apela aos guerrilheiros para continuarem a guerra santa não só em Cabul ou Bagdade, mas para levá-la para Paris, Londres e Washington. Pediu ainda aos guerrilheiros solitários que ataquem os Estados Unidos, tendo como principais alvos os interesses dos judeus norte-americanos em todo o mundo.

A mensagem foi divulgada no Twitter e não há certeza sobre se a voz pertence a Hamza Bin Laden, alega o Telegraph, já que este não é visto há muitos anos. Hamza terá agora 23 ou 24 anos e inicialmente pensou-se que teria morrido na emboscada ao pai. A sua morte foi mesmo anunciada pelas autoridades norte-americanas, mas tratava-se afinal de outro filho do estratega dos ataques de 11 de setembro, Khaled.

Hamza estará a ser preparado para liderar a Al Qaeda, tal como o pai já estaria a planear, segundo revelaram documentos encontrados no seu esconderijo aquando a sua morte. O jovem terá participado em vários atentados terroristas desde 2005. A Al-Qaeda é atualmente liderada por Ayman al-Zawahiri, braço direito de Osama bin Laden.