Os Boston Celtics quebraram na sexta-feira uma série de 54 vitórias consecutivas em casa dos Golden State Warriors, ao vencerem por 109-106 na visita aos campeões da Liga Norte-americana de Basquetebol (NBA).

Na Oracle Arena de Oakland, os Warriors tinham vencido os últimos 18 jogos da última época e os 36 desta temporada. Não perdiam em casa há 14 meses, desde 27 de janeiro de 2015.

Mesmo assim, este foi apenas o oitavo desaire da época para os campeões, que continuam a ‘correr’ para superar o recorde dos Chicago Bulls, que em 1995-96 alcançaram 72 vitórias na época regular.

Para superar estes números, os Warriors, já com 68 triunfos, precisam de ganhar cinco dos últimos seis jogos.

No embate de sexta-feira, o protagonismo nos Celtics foi repartido por Isaiah Thomas (22 pontos e seis assistências), Evan Turner (21 pontos, cinco assistências e cinco ressaltos) e Jared Sullinger (20 pontos e 12 ressaltos).

Pelo lado dos Warriors, de pouco valeu a Stephen Curry, atualmente a maior figura da NBA, ter sido o melhor marcador do encontro, com 29 pontos, mais seis assistências e cinco ressaltos.