O presidente da Fosun terá estado em Lisboa na semana passada para se reunir com a administração do BCP e com o Banco de Portugal, afirmou o ex-líder do PSD Marques Mendes, no seu espaço de comentário semanal na SIC na noite de domingo.

O líder do grupo chinês, que em Portugal é líder da Fidelidade e do grupo Luz Saúde, terá estado em Portugal na quinta-feira, tendo várias reuniões com a administração do banco português para, segundo o comentador, reafirmar a sua intenção de entrar no capital do banco.

Essa intenção foi dada a conhecer publicamente pelo grupo numa carta onde diz que tem interesse em entrar no capital do banco até uma posição de 16,7%, participação essa que poderia aumentar até aos 30% através de reforços da sua posição com operações de mercado e/ou participação em aumentos de capital futuros.