Para o psicólogo Eduardo Sá, o papel dos pais é serem “a verdadeira entidade reguladora” dos filhos. Considera também que os progenitores devem confiar mais no seu “sexto sentido” em vez de estarem constantemente a pedir opiniões, mas devem impor limites.

E se há algo que não pode faltar na relação entre pais e filhos é colo.

Numa entrevista ao Observador, esta quarta-feira de manhã, o especialista na área da família, crianças e adolescentes defende a importância “da escola da vida” e critica a forma como funcionam as escolas, em particular as poucas horas que permitem às crianças brincar. Uma atividade, garante, que não deve ser feita apenas “aos fins de semana e nas férias”.

O psicólogo Eduardo Sá está em direto. Coloque as suas questões nos comentários.

Posted by Observador on Wednesday, May 10, 2017