Um carro armadilhado explodiu perto de uma esquadra de polícia na capital da Somália, Mogadíscio, e matou pelo menos cinco pessoas e feriu outras treze, de acordo com informações de um oficial da polícia local.

O capitão Mohamed Hussein declarou que a explosão aconteceu perto da esquadra da polícia de Waberi, ao longo da movimentada avenida Maka Almukarramah.

A maioria das vítimas é composta por civis, segundo o oficial. O alvo exato da explosão não ficou claro ainda para a polícia.

O grupo extremista Al-Shabab, que tem a sua base na Somália, muitas vezes realiza ataques com bombistas suicidas em Mogadíscio.