A revista satírica francesa Charlie Hebdo tem uma posição clara sobre a declaração independentista da Catalunha: é uma idiotice. Os catalães são mais idiotas do que os corsos”, escrevem por cima de uma ilustração onde aparecem três pessoas completamente encapuçadas de negro, armadas e a reclamarem que exigem um debate. O título do editorial não deixa margem para dúvidas: “idiotice ou morte”.

Com esta tomada de posição, o Charlie Hebdo compara o movimento independentista catalão com um outro movimento violento, o da Frente de Libertação Nacional da Córsega, organização armada formada em 1976 para lutar pela independência da ilha e que foi responsável por dezenas de assassinatos e centenas de atentados, conta o El País.

A revista francesa tem-se manifestado várias vezes contra o movimento independentista catalão, utilizando expressões como “crise de histeria”, “voz de opereta” ou fazendo perguntas irónicas do género “como se diz democracia em catalão?”. No final do editorial, lê-se “se existem 200 línguas na Europa, porque não criar 200 novos países? E porque não proclamar tantas declarações de independência, como o número de queijos e vinhos que há na Europa?”.