Uma mulher ficou ferida com gravidade depois saltar de uma janela do segundo piso de um edifício junto à Rotunda da Boavista, no Porto, para escapar às chamas.

De acordo com o Jornal de Notícias, os bombeiros Sapadores já estão no local. Segundo os primeiros relatos do incidente, as chamas deflagraram no segundo andar de um prédio situado zona central da cidade do Porto, surpreendendo um casal de idade próxima dos 30 anos.

Os dois, continua o JN, terão começado por gritar por ajuda, mas, como o fumo se tornou demasiado intenso, a mulher decidiu saltar da janela, acabando por embater depois num toldo de uma sapataria. A queda, segundo foi possível apurar, provocou ferimentos graves. O homem acabou por descer através de um cano de água e não terá sofrido ferimentos.

O prédio localiza-se ao lado do café Peninsular, um dos mais emblemáticos da cidade do Porto. Às 19h30 horas, o incêndio foi dado como extinto.

Segundo o CDOS, citado pela agência Lusa, o alerta para o incêndio na Praça Mouzinho de Albuquerque, conhecida como Rotunda da Boavista, foi dado pelas 18:27 e no local estavam, pelas 18:50, três viaturas dos sapadores bombeiros com 12 operacionais, elementos do INEM e PSP.