O presidente da Ford América do Norte, Raj Nair, foi para a rua na sequência de acusações acerca do seu comportamento. Depois de recebida uma denúncia, a Ford desencadeou uma investigação nas últimas semanas, de que resultou o despedimento de Nair, ainda que a marca não esclareça as razões da demissão. Tendo-se limitado a emitir um comunicado em que refere que o comportamento do executivo foi considerado “inconsistente com o código de conduta da empresa”.

De acordo com o CEO da Ford, Jim Hackett, a decisão foi tomada “após avaliação e uma cuidadosa consideração”, com o lugar de Raj Nair a ser ocupado, já a partir de amanhã, por Kumar Galhotra, um veterano com 29 anos de casa, que reportará ao chefe de mercados globais Jim Farley.

Nair, que estava na Ford desde 1987 e que colocou o seu cunho no projecto do Ford GT, bem como no programa desportivo da oval, limitou-se a dizer que deseja ao construtor “sucesso contínuo” no futuro. “Lamento sinceramente que tenha havido situações em que não exibi comportamentos de liderança consistentes com os princípios que a empresa e eu sempre defendemos”, reconheceu.