476kWh poupados com o Logótipo da MEO Energia Logótipo da MEO Energia
i

A opção Dark Mode permite-lhe poupar até 30% de bateria.

Reduza a sua pegada ecológica.
Saiba mais

Logótipo da MEO Energia

Adere à Fibra do MEO com a máxima velocidade desde 29.99/mês aqui.

A defesa de Casillas e o falhanço de Leão no final entre três golos e um lance polémico (o filme do clássico)

Este artigo tem mais de 4 anos

FC Porto marcou primeiro por Marcano, Rafael Leão empatou em cima do intervalo dois minutos depois de ter entrado, Brahimi apontou o 2-1. No final, Casillas fez a defesa da noite e Leão falhou o 2-2.

O lance entre Diogo Dalot e Doumbia, onde o marfinense ficou a reclamar grande penalidades que não foi assinalada
i

O lance entre Diogo Dalot e Doumbia, onde o marfinense ficou a reclamar grande penalidades que não foi assinalada

MIGUEL RIOPA/AFP/Getty Images

O lance entre Diogo Dalot e Doumbia, onde o marfinense ficou a reclamar grande penalidades que não foi assinalada

MIGUEL RIOPA/AFP/Getty Images

Tem acesso livre a todos os artigos do Observador por ser nosso assinante.

Em três clássicos, FC Porto e Sporting tinham marcado apenas um golo e não criaram assim tantas oportunidades; esta noite, tudo foi diferente: houve três golos, muitas oportunidades e um minuto decisivo em que Casillas tirou o golo a Montero antes de Rafael Leão, o mais novo de sempre a marcar em clássicos, desperdiçar de forma flagrante o 2-2.

Aqui fica o resumo do jogo, em dez capítulos: dos golos de Marcano, Leão e Brahimi aos falhanços de Marega, Doumbia e Leão, passando pela enorme intervenção de Casillas e por um lance polémico na área do FC Porto entre Dalot e Doumbia.

O golo de Marcano, após assistência de Herrera

O golo de Rafael Leão, após passe de Bryan Ruíz

O golo de Brahimi, após cruzamento de Gonçalo Paciência

A bola ao poste de Marega (e a recarga que Ruíz salvou)

A defesa de Casillas a remate de Doumbia

A outra oportunidade de Marega, que passou ao lado

A bola que Battaglia salvou em cima da linha

A intervenção de Casillas que decidiu o encontro

O falhanço de Leão que podia ter dado o empate no final

A página está a demorar muito tempo.

Ofereça este artigo a um amigo

Enquanto assinante, tem para partilhar este mês.

A enviar artigo...

Artigo oferecido com sucesso

Ainda tem para partilhar este mês.

O seu amigo vai receber, nos próximos minutos, um e-mail com uma ligação para ler este artigo gratuitamente.

Ofereça artigos por mês ao ser assinante do Observador

Partilhe os seus artigos preferidos com os seus amigos.
Quem recebe só precisa de iniciar a sessão na conta Observador e poderá ler o artigo, mesmo que não seja assinante.

Este artigo foi-lhe oferecido pelo nosso assinante . Assine o Observador hoje, e tenha acesso ilimitado a todo o nosso conteúdo. Veja aqui as suas opções.

Atingiu o limite de artigos que pode oferecer

Já ofereceu artigos este mês.
A partir de 1 de poderá oferecer mais artigos aos seus amigos.

Aconteceu um erro

Por favor tente mais tarde.

Atenção

Este artigo só pode ser lido por um utilizador registado com o mesmo endereço de email que recebeu esta oferta.
Para conseguir ler o artigo inicie sessão com o endereço de email correto.