O Alético de Madrid oficializou a contratação de Gelson Martins por 5 épocas, apesar de inicialmente ter confirmado que seria por 6 temporadas. O anúncio foi feito no Twitter oficial do clube. O extremo português, que se encontra desde ontem em Madrid, junta-se agora ao plantel de Diego Simeone. De acordo com o comunicado oficial entretanto divulgado pelos colchoneros, o contrato não prevê qualquer pagamento ao Sporting. Não foi revelada a cláusula de rescisão que vai blindar o jogador.

No comunicado, o Atlético de Madrid faz rasgados elogios ao jovem jogador. “Extremo incisivo”, “com talento” e “um perigo para as defesas rivais” são apenas alguns dos exemplos. A edição impressa do jornal desportivo A Bola desta terça-feira (link não disponível), dá conta de que o Sporting  vai avançar para a justiça depois de não ter havido entendimento entre os dois clubes quanto à transferência de Gelson Martins.

Numa fase inicial, Sporting e Atlético de Madrid chegaram a sentar-se à mesa das negociações mas as conversas não chegaram a bom porto. O presidente da SAD leonina, Sousa Cintra, exigiu aos espanhóis 40 milhões de euros por aquele que considera um dos mais importantes ativos do clube.

A proposta vinda de Madrid não terá, no entanto, ultrapassado os 15 milhões de euros, com mais 10 por objetivos.

Recorde-se que o jogador faz parte do grupo de jogadores que rescindiu contrato com o Sporting unilateralmente. Gelson Martins invocou justa causa face aos acontecimentos na Academia de Alcochete no dia 15 de maio.

Agora, o cenário mais expectável é a batalha legal entre os dois clubes. O jornal AS, afirma que o Atlético já contactou a FIFA para se informar antes de tomar uma decisão final.