Lisboa

Feira de Artes e Antiguidades regressa em abril à Cordoaria e muda de nome

224

A feira apresentará 29 expositores, entre galeristas e antiquários portugueses e estrangeiros, e terá um programa de várias conversas focadas no colecionismo em diferentes áreas.

A feira decorre entre 6 e 14 de abril e vai mudar de nome para Lisbon Arts and Antiques Fair

Autor
  • Agência Lusa

A Feira de Artes e Antiguidades regressa, de 6 e 14 de abril, à Cordoaria Nacional, em Lisboa, e vai mudar de nome para Lisbon Arts and Antiques Fair (LAAF), anunciou hoje a Associação Portuguesa dos Antiquários (APA).

Na edição deste ano, a feira apresentará 29 expositores, entre galeristas e antiquários portugueses e estrangeiros, e terá um programa de várias conversas focadas no colecionismo em diferentes áreas.

A programação inclui ainda a realização de uma exposição feita em parceria com o Museu do Design e da Moda – Coleção Francisco Capelo (MUDE), de 20 cadeiras que ilustram a evolução do design do século XX.

A organização justifica a mudança de nome para LAAF com o objetivo de “reforçar a abertura por parte da organização a novos galeristas e visitantes de várias partes do mundo, à arte contemporânea e a novos desafios”.

A APA acredita que “esta mudança reforçará o posicionamento da feira e do lugar que ocupa no panorama cultural e artístico internacional”, justifica, em comunicado.

Cada painel de conversas conta com quatro especialistas convidados — colecionadores, diretores de museus, psicólogos, arquitetos – e um moderador.

As conversas vão acontecer todos os dias úteis da feira às 18h30, dirigidas aos interessados em colecionismo, mas também ao público que quer conhecer mais sobre mercado da arte.

Os antiquários e galeristas presentes são a Giefarte, Galeria Sete, Galeria Bessa Pereira, António Costa Antiguidades, J.Baptista, Isabel Lopes da Silva, João Ramada Antiguidades, Miguel Arruda Antiguidades, Espadim1985, Carlos Carvalho Arte Contemporânea, José Sanina Antiquário, Manuel Castilho, PM Nachbaur Gallery, São Roque — Antiguidades e Galeria de Arte, Galeria São Mamede, TBF Fine Art.

Também participam Ricardo Hogan Antiguidades, Ilídio Cruz, Manuela Verde Lírio, Objectismo, Isabel Lírio Cruz da Silva, D’Orey Azulejos e Antiguidades, Galeria Tapeçarias de Portalegre, Helder Alfaiate Galeria de Arte e Casa D’Arte.

Os expositores internacionais presentes serão a Galeria F.Cervera Arquelogia (Barcelona), Galerie PLA (Paris), Montagut Gallery (Barcelona) e a Galerie Philippe Mendes (Paris).

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: observador@observador.pt
Investimento público

A tragédia de Pedro Marques

Inês Domingos

Com um quadro Centeno confessou inadvertidamente como foi um dos principais responsáveis pelo desastre de atuação de Pedro Marques, sendo que este também não foi capaz de aplicar os fundos de Bruxelas

FC Porto

João Félix (e youth league) /premium

João Marques de Almeida
145

Uma mensagem para todos os portistas. Vamos dar os parabéns ao Benfica, esquecer os árbitros, ganhar ao Sporting na final da Taça e apostar nos nossos jovens jogadores nas próximas épocas. 

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)