Um espantoso golpe de marketing, um erro clamoroso ou nem uma coisa nem outra? Em relação ao popular jogo Fortnite, neste momento não há certezas de nada. A história resume-se rapidamente assim: a Epic Games, responsável pelo jogo, prometia apresentar uma temporada nova de “Fortnite” — com alterações ao modo de jogo — esta segunda-feira. Foi apresentada com espetacularidade: um buraco negro tornou-se tudo o que era possível encontrar ao tentar jogar e o online virou offline.

Posteriormente, um trailer alegadamente oficial surgiu na internet, tendo-se multiplicado nas redes sociais até ser eliminado. O vídeo evidenciaria uma grande atualização ao jogo e “uma variedade de novas funcionalidades”, refere o jornal The Independent. A atualização, a confirmar-se, ficará conhecida como “Fortnite Capítulo 1 Temporaada 1” e trará uma mapa “inteiramente redesenhado”.

Por enquanto, porém, ainda só existe um buraco negro. É tudo o que, desde este domingo, surge no ecrã dos jogadores de Fortnite, depois do fim da temporada X — o mapa produzido pela Epic Games explodiu e foi sugado por um buraco negro. Nas redes sociais do jogo, tudo foi apagado ou ocultado e o buraco negro é a única imagem a ser transmitida em direto. Antes de chegar a esperança, com novas imagens “leakadas”, a Internet foi local de mistério para os fãs de Fortnite: teria sido este o fim d0 jogo ou apenas uma jogada de marketing para o lançamento da próxima temporada?

Houve quem especulasse e dissesse que tudo estava a ser preparado para surgir um novo mapa do jogo, mas não existia qualquer informação sobre a data em que esse mapa iria estar disponível. Na página da Epic Games, aliás, é indicado que foi detetada uma “anomalia” no Fortnite e, por isso, o serviço foi interrompido. Mas tudo pode mesmo não passar de uma manobra de publicidade.

Na conta do Twitter do jogo, por exemplo, todos os tweets foram apagados e a única publicação que aparece é um livestream deste buraco negro. Em resposta, vários utilizadores mostraram o seu descontentamento com o que aconteceu. “Percebo que estejam a tentar criar expectativa com o vosso jogo, mas isto é uma confusão. Ao menos estipulem um período de tempo às pessoas. Há provavelmente crianças a chorar porque pensam que o jogo acabou”, escreveu uma utilizadora em resposta ao livestream. 

Apesar dos receios, o mais provável é que o Fortnite dê início ao seu “capítulo 2”, que vai trazer consigo um novo mapa. Para quem está à espera, alguns programadores desenvolveram um mini-jogo semelhante ao “Space Invaders”, através do código Konami.

O Fortnite é um dos jogos online mais populares do momento, contando com mais de 250 milhões de participantes em todo o mundo. Cada um dos jogadores cria um avatar que é lançado de paraquedas para uma ilha onde tem de procurar armas e outros equipamentos. O objetivo é matar todos os outros jogadores ao mesmo tempo que tem de sobreviver aos ataques dos inimigos. No final, neste modo de jogo que é chamado Battle Royale, ganha quem for o último a sobreviver.