A “habilidade” teve lugar em Long Beach, na Califórnia. Segundo o canal americano de televisão CBS, uma condutora foi filmada a abordar uma rotunda como se fosse uma recta. Sucede que, além do lancil que definia a rotunda, a mesma possuía no centro umas rochas decorativas, tão volumosas quanto pesadas. Mas nada disto levou Marisela Ovalle a descrever o círculo desenhado no pavimento.

A máquina que Ovalle usou para “atropelar” a rotunda não foi uma retro-escavadora e, muito menos, um tanque de guerra. A jovem de 27 anos seguia ao volante do seu BMW M4, um belo coupé desportivo que seria capaz de contornar a rotunda a uma velocidade bem acima da média. Porém, ao embater primeiro no lancil e depois na rocha, para a qual a polícia local estimou um peso de 136 kg, o modelo alemão foi vítima de severas alterações estéticas.

O vídeo que publicamos mostra como a condutora aborda a rotunda sem sinal do seu pé direito ter deixado o acelerador para pressionar o travão. A partir do momento que embateu no lancil, o M4 transformou-se numa máquina voadora, só que sem qualquer controlo e necessariamente com profundos danos na frente e na zona inferior do motor e do chassi. Depois de atingir uma altura de cerca de 5 metros, o BMW aterrou com estrondo, acabando por embater nos veículos estacionados.

Alguns dos maiores danos foram causados pela rocha, que até então repousava no centro da rotunda. Porém, com o impacto do M4 foi atirada pelo ar até embater no que parece ser um Chevrolet Camaro, amassando-lhe por completo a traseira. Mas segundo a polícia e ao contrário do BMW, a condutora não ficou com qualquer uma beliscadura.

O proprietário de dois dos veículos destruídos pela condutora disse acreditar que Ovalle rodava a mais de 110 km/h, mas pior do que esta análise de uma das vítimas, foi a da polícia que ocorreu ao local do acidente. As autoridades concluíram que Marisela conduzia com um “grão na asa”. Daí que a tenham testado para confirmar o seu estado de embriaguez. A condutora foi detida, com uma caução de 30.000 dólares.