Os Rolls-Royce são veículos difíceis de igualar no que respeita à qualidade, luxo e exclusividade, além do preço elevado. Mas apesar de a fasquia ser elevada, é facilmente ultrapassada pelos célebres ovos de Fabergé, em que o último exemplar foi vendido por cerca de 30 milhões de euros. Curiosamente, um cliente da marca britânica encomendou um ovo ao joalheiro russo para adornar o seu Rolls.

O primeiro ovo da Fabergé nasceu em 1885 da necessidade do Czar Alexandre III, da Rússia, impressionar a sua mulher Maria Feodorovna com uma prenda da Páscoa memorável, tarefa difícil para quem já tinha tudo, ou quase. A Casa de Fabergé, em São Petersburgo, respondeu ao pedido com uma pequena obra de arte: uma pequena réplica da coroa imperial em diamante de onde sai um rubi em forma de pendente, tudo sobre ouro maciço trabalhado, revestido por uma casca esmaltada branca.

O sucesso junto dos czares foi tal que os ovos de Páscoa da Fabergé passaram a ser um hábito, levando a peças cada vez mais sofisticadas e dispendiosas. Em 2014, um deles, o 3º ovo imperial da Fabergé, entregue em 1887, foi leiloado em Londres por o equivalente a 30 milhões de euros.

Em 2018, um cliente da Rolls e do joalheiro russo encomendou um ovo que alojasse o Spirit of Ecstasy, a característica estatueta que adorna o capot do motor dos Rolls-Royce, para depois exigir ao construtor que alterasse o veículo para montar o ovo da Fabergé sobre o capot, mantendo a capacidade de descer e se “esconder” para evitar roubos ou vandalismos, comum a todos os modelos da marca.

Desconhece-se o preço deste ovo, que será necessariamente muito elevado, uma vez que é apenas a segunda vez que o joalheiro russo produz um destes preciosos objectos sob encomenda, entre os que respeitam a categoria “ovos imperiais”, a mais respeitada da casa de São Petersburgo. A peça foi desenhada por Stefan Innes da Rolls e Liisa Tallgren da Fabergé e, se por um lado mantém o Spirit of Ecstasy ao centro, esculpido em cristal, por outro, este surge substancialmente mais pequeno. A envolvê-lo estão hastes em ouro rosa decoradas com diamantes de 10 quilates e ametistas naturais, com 390 quilates.

O mecanismo que faz abrir e fechar as hastes foi considerado pela Fabergé o mais sofisticado que já fabricaram, com o ovo com 16 cm de altura e 400 g de peso a poder ser aberto ou fechado através de uma pequena alavanca que existe na base. O ovo da Fabergé foi revelado em 2018, mas só agora a Rolls-Royce divulgou imagens adicionais do primeiro Rolls cujo Spirit of Ecstasy tem um valor superior ao próprio modelo.